Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE BREVES
12/04/2016
Breves
EQUIPE DO HOSPITAL DE BREVES RECEBE CAPACITAÇÃO SOBRE DOENÇA DE CHAGAS.
 


Profissionais do Hospital Regional Público do Marajó (HRPM), em Breves, passaram por uma capacitação sobre Doença de Chagas (DC), ministrada por um profissional da Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), a cardiologista Dilma Sousa. A qualificação, além de garantir assistência integral aos usuários, tem em vista atender a grande demanda de pacientes que apresentam a doença naquela região.

A Doença de Chagas é causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi, que tem como hospedeiro o Barbeiro. A contaminação se dá pelo contato direto com as fezes do inseto. De acordo com a Sociedade Brasileira de Infectologia, aproximadamente 12 milhões de pessoas são portadoras da doença crônica nas Américas. No Brasil esse número chega a cerca de três milhões de indivíduos, sendo que um número elevado da doença ainda é registrado em Breves, no Arquipélago do Marajó.

A cardiologista Dilma Sousa falou sobre a ocorrência da doença, apontando as duas fases clínicas: uma aguda, que pode ou não ser identificada, podendo evoluir para uma fase crônica, caso não seja tratada com medicação específica.

No Brasil, devido à transmissão vetorial domiciliar ocorrida no passado e hoje interrompida, predominam os casos crônicos. Nos últimos anos, a ocorrência de Doença de Chagas aguda tem sido observada em diferentes estados, em especial na região da Amazônia Legal - composta pelos estados do Acre, Amazonas, Amapá, Rondônia, Roraima, Pará, Tocantins, parte do Maranhão e do Mato Grosso - principalmente em decorrência da transmissão oral, todos com vigilância centrada na detecção de casos agudos e surtos e apoiada na Vigilância Epidemiológica da Malária.

Fonte: AGPA.

Comunicação/AMAM
 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000