Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE BREVES
05/05/2017
Breves
GOVERNO FIRMA COMPROMISSOS PARA CRIAÇÃO DE DISTRITOS INDUSTRIAIS EM BREVES E CASTANHAL
 

O estande do Governo do Estado na Feira das Indústrias do Pará (Fipa) serviu de palco na noite desta quinta-feira, 4, para a assinatura de protocolos entre o Executivo estadual e as prefeituras municipais de Breves e Castanhal, para a criação de Distritos Industriais nas respectivas cidades. A Feira é realização da Federação das Indústrias do Pará (Fiepa) e segue até este sábado, 6, no Hangar - Centro de Convenções da Amazônia - das das 17h às 22h.

Os documentos foram assinados pelo titular da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), Adnan Demachki, e Olavo das Neves, presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec). Assinaram também o prefeito de Castanhal, Pedro da Mota Filho, e o vice-prefeito de Breves, Vilson Mainard, representando o gestor local Toninho Barbosa.

Prestigiaram o evento, o secretário de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Alex Fiúza; o presidente da Associação Comercial do Pará, Fábio Lúcio Costa e o presidente do Simineral, José Fernando Gomes, entre outras autoridades do poder público e da iniciativa privada.

O Programa de Revitalização e Modernização de Distritos Industriais com foco em competitividade e atratividade, desenvolvido pela Codec, está em franca expansão, explicou Olavo das Neves, destacando que o projeto é também meta do planejamento estratégico Pará 2030.

"Breves e Castanhal são dois importantes polos onde temos tratativas bastante avançadas, contamos com as prefeituras municipais, a sociedade local e o setor produtivo, todos envolvidos no processo junto com o Governo do Pará. Então é uma responsabilidade construída e compartilhada por várias mãos", enfatizou Olavo.

Ele informou, ainda, que os Distritos Industriais (DIs) de Ananindeua, Icoaraci, Barcarena e Marabá passam por um processo de revitalização, ancorados também no escopo do Pará 2030. "Estamos empreendendo esforços e parcerias para materializar, pelo menos, novos 12 DIs no governo Simão Jatene. É um marco histórico, já que há 30 anos não tínhamos a concepção de novos Distritos Industriais no Pará", disse o titular da Codec.

O prefeito de Castanhal e o vice-prefeito de Breves, Pedro Coelho da Mota Filho e Vilson Manaird, respectivamente, foram unânimes em ressaltar a importância de um Distrito Industrial para atração de empresas e indústrias e geração de mais empregos em suas cidades.

"É o que nossa população tanto almeja. A gente está num cenário de 14,5 milhões de brasileiros desempregados. Um Distrito Industrial é sempre promissor", disse Pedro Filho. A área destinada ao DI de Castanhal fica a 7 km do centro da cidade Modelo, na PA que liga Castanhal ao município de Inhangapi. "Eu vejo que o parque industrial é o ponto de partida para a nossa região, que tem uma população tão sofrida. Agradeço ao Governo em nome do secretário Adnan por esse ato em benefício de nossa gente", disse o vice de Breves, Vilson Mainard.

Adnan Demachki afirmou que a celebração das parcerias tem forte representatividade para o Estado, que avança com o Pará 2030, cujo foco maior é a industrialização da base produtiva paraense. Ele reiterou a meta do planejamento de crescer níveis de produção agregando valor à ela.

"Castanhal é um lugar extraordinário com inúmeras vantagens, em especial a de mobilidade urbana, para empresas de grande porte", afirmou Demachki, para quem, Breves é emblemático. "O Marajó é prioridade para o Estado, não à toa o Executivo estadual investiu recentemente R$ 150 milhões para a energização do Marajó, onde a maioria dos municípios não tinha energia firme, e claro, nem poderia pensar em sua industrialização sem o insumo básico da energia. Mudamos a política estadual de incentivos fiscais em benefício de cidades com o menor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), que, infelizmente, é o caso do território marajoara. Parabéns a todos pelo empenho nessa missão. Parabéns ao Estado que a cada dia se estrutura mais para a busca do seu desenvolvimento'', concluiu o secretário.

Fonte: AGPA

 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000