Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE BREVES
26/06/2017
Breves
CREDCIDADÃO FOMENTA ABERTURA DE NEGÓCIOS E GERAÇÃO DE RENDA EM BREVES.
 


O programa Credcidadão entregou, na sexta-feira, 23, em Breves, na Ilha do Marajó, microcrédito para 24 pessoas. O recurso é investido na geração de renda, com a abertura de novos negócios, em diversas áreas, da alimentação a lojas de confecções. A cerimônia de entrega ocorreu na Câmara Municipal e reuniu autoridades e moradores da cidade. Somente este ano, o programa já entregou microcrédito em 40 municípios do Estado.

Das 24 pessoas atendidas, sete renovaram o crédito e 17 receberam pela primeira vez. Ao todo, 16 municípios do Marajó já foram contemplados. “O programa vem direcionando, desde 2015, atenção especial aos municípios do Marajó. O objetivo é garantir geração de renda, principalmente para famílias que não tiveram outras oportunidades. O microcrédito une a família em torno dos negócios. Em Breves e outros municípios não faltam exemplos de negócios bem-sucedidos”, disse a diretora do Credcidadão, Tetê Santos.

O programa de geração de renda vem sendo ampliado nos últimos anos. Em 2014, o Credcidadão chegou a 47 municípios, em 2015 a 71 e, no ano passado, empreendedores de 89 cidades receberam o benefício. Até o fim de 2017, a meta é alcançar 100 municípios. Desde 2012, o governo já liberou R$ 30 milhões para fomentar a abertura de pequenos negócios e empreendimentos. “Apesar da crise que o país enfrenta, que afeta os Estados, o Governo do Pará tem levado adiante, de forma séria e comprometida, este programa”, afirmou Tetê Santos.

Segundo a gerente do Credcidadão no Marajó, Ana Félix, a seleção dos contemplados leva em conta o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) das cidades – e o Marajó está entre as regiões com menor IDH do Pará. Para ser selecionada, a pessoa deve apresentar CPF, identidade e comprovante de residência e não pode ter nenhum tipo de restrição. “O objetivo é fomentar a economia no Marajó. Fazer com que a pessoa viva do próprio negócio, levando em consideração a alta taxa de desemprego e a baixa escolaridade”, explicou.

Impulso

Para muita gente, o Credcidadão representa a abertura de novos horizontes financeiros e de melhoria da qualidade de vida. É o caso de Ana Nonato de Souza Prado, 46 anos, que vai investir o recurso que recebeu, no valor de R$ 2 mil, no restaurante que abriu em Breves. “Sonhava há muito tempo em ter um restaurante de melhor qualidade. Hoje realizo o sonho com este crédito. Vou comprar mais material. Essa era minha maior dificuldade. Agora a expectativa é ver a clientela aumentar”, projetou.

A comerciante Dineti Souza Gama, 39 anos, que renovou o microcrédito, disse que essa segunda remessa vem a calhar para que ela possa tocar o projeto de ampliar a padaria. “Vamos colocar prateleiras e mesas e comprar uma geladeira, tudo para poder oferecer um ambiente melhor para os clientes que quiserem fazer um lanche aqui. Com o primeiro recurso, começamos a trabalhar por conta própria, o que melhorou muito a nossa vida. A freguesia também vem crescendo”, contou.

Caso bem-sucedido de aplicação do Credcidadão, o ambulante Márcio da Silva, 37 anos, recebeu mais recursos para ampliar o carrinho em que vende churrasco na rua. “Só tenho a agradecer ao Credcidadão, que melhorou muito a minha vida e vai melhorar a vida de muita gente que está recebendo o crédito pela primeira vez. Esse dinheiro é investido em trabalho digno, para que possamos sustentar nossas famílias”, afiançou.

Fonte: AGPA.

Comunicação/AMAM.
 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000