Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE BREVES
26/09/2017
Breves
Regional do Marajó comemora sete anos e mais de um milhão de atendimentos
 

Nesta segunda-feira (25) o Hospital Regional Público do Marajó, sediado em Breves, comemora sete anos de atividade no município, assistindo uma população estimada em 270 mil habitantes com serviços de média e alta complexidade. Ao longo desse período, o HRPM já soma mais de um milhão de atendimentos que tem como principal cunho a assistência de qualidade, segura e humanizada, voltada integralmente a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e ratificados por um alto índice de satisfação dos usuários: 96%.

Entre eles está o jovem Wellington Gonçalves Pequeno, 22, natural do município de Bagre, que aguarda investigação de diagnóstico para seu problema de saúde, marcado por um quadro de anemia, cansaço e falta de ar. Internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), ele agradece a equipe multiprofissional do HRPM. “Se não fosse os profissionais e a estrutura desse hospital acho que não teria resistido”, declara. Enquanto espera a definição do diagnóstico, Wellington recebe bolsas de sangue e se mantém confiante na sua recuperação.

Ao longo desses sete anos, o HRPM tem assegurado os mais variados serviços, entre eles mais de 970 mil exames, quase 90 mil atendimentos ambulatoriais, 13 mil cirurgias, 25 mil atendimentos de urgência/emergência e mais de 1.500 partos de alto risco.

A instituição possui duas certificações do Selo Ouro pela divulgação de relatórios anuais de emissão de gases de efeito estufa, outorgado pelo Centro de Estudos de Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas, com base no GHG, protocolo internacional administrado no Brasil pela FGV. Agora, a equipe do regional em Breves está na expectativa pela certificação como Hospital Amigo da Criança (IHAC), concedida pelo Unicef e Ministério da Saúde, pelo trabalho de incentivo ao aleitamento materno e cuidados com o recém-nascido.

“O HRPM é reconhecido por suas boas práticas de gestão e pelo bom atendimento, daí a conquista de tantas certificações e elogios aos serviços oferecidos pelos gestores e colaboradores”, reforça o secretário de Estado de Saúde Pública, Vítor Mateus, que também destaca o empenho do governo do Estado para implantação do serviço de hemodiálise, que é uma reivindicação da população do Marajó. “Estamos trabalhando para viabilizar a implantação desse serviço, no menor espaço de tempo. Essa é a nossa prioridade”.

O diretor executivo do HRPM, Joaquim Fonseca, agradece a equipe de profissionais que contribui direta e indiretamente para a consolidação da credibilidade dos serviços prestados aos usuários. “Meus sinceros parabéns a todos que fazem deste hospital uma referência na ilha do Marajó. Há sete anos, a nossa equipe reforça diariamente a qualidade da assistência prestada para atender cada vez melhor cada usuário que necessita de atendimento. Isso fortalece a gestão e ratifica sua resolutividade perante os casos mais complexos”.

Fonseca destaca, ainda, que a busca incessante pela melhoria contínua de qualidade que está agregada à efetivação dos processos de segurança do paciente, é o foco da administração do Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano (INDSH). E estende seus agradecimentos ao apoio do Governo do Estado, por meio da Sespa, que investe para aperfeiçoar o sistema de saúde e garantir melhor atendimento à população.

O presidente do Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano (INDSH), que administra o HRPM, José Carlos Rizoli, parabeniza toda a equipe do hospital pelo trabalho realizado. “Sabemos de todo desafio logístico que existe para gerir essa unidade, o que exige, além de capacidade profissional, uma dedicação extra, uma paixão pelo ofício, que deve ser valorizada e enaltecida. Que esta data se repita por muitos e muitos anos"

Para o diretor de operações do INDSH, Adriano de Lima, os resultados da assistência do regional de Breves é o reflexo do compromisso de sua equipe de profissionais e do alinhamento com as metas do governo do Pará.

Integrante da rede de regionalização da saúde do Governo do Estado, o atendimento no HRPM é referenciado pelo serviço de Regulação, assim como nos demais regionais do Pará e do Brasil, onde esses hospitais de média e alta complexidade recebem pacientes encaminhados para consultas ambulatoriais, realização de exames e para internação, sempre respeitando o perfil do hospital e a disponibilidade de leitos.

O hospital dispõe de 70 leitos, clínicas integradas com as especialidades de obstetrícia, cirurgia, ortopedia, oftalmologia, cardiologia, pediatria, clínica médica, anestesia, terapia intensiva, além de exames laboratoriais por imagem e métodos gráficos.

O HRPM conta, ainda, com centro cirúrgico e obstétrico composto por três salas cirúrgicas, uma para reanimação, um ambiente de pós-operatório e uma sala pré-operatório; uma unidade de ambulatório com cinco consultórios e Agência Transfusional (AT) própria, agilizando o atendimento dos usuários da unidade e dos hospitais vinculados ao 8° Centro Regional de Saúde (8° CRS), composto por Bagre, Curralinho, Anajás, Portel, Melgaço, Gurupá e Breves.

Serviço: O HRPM dispõe de atendimento ambulatorial de segunda a sexta-feira, das 7 às 18 horas. O hospital está localizado na avenida Rio Branco, 1.266, Centro. Mais informações: (91) 3783-2140 / 3783-2127.

 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000