Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE GURUPÁ
27/05/2015
Gurupá
SEMINÁRIO DEBATE PARTICIPAÇÃO POPULAR NA CULTURA DE GURUPÁ.
 

Para construir um sistema próprio de cultura protagonizado pela população e com os poderes municipais executivo e legislativo, a Secretaria de Cultura realiza o “I Seminário de Sensibilização e Participação Democrática na Cultura de Gurupá”, na Câmara de Vereadores.

São dois dias de evento (25 e 26 de maio), em que vários atores sociais participam de palestras e debates, a fim de chegar a uma conclusão sobre o papel de cada um na descentralização da gestão cultural e enquanto sujeitos que produzem cultura.

A apresentação do “Gambá Cultural” (grupos de artistas da terra como o dueto Edgar Pantoja e Maria Antonia, dança de rua e quadrilha), deu o tom da música e da dança no início do Seminário ao público composto por agentes culturais, estudantes, professores e a comunidade em geral.

O prefeito Raimundo Nogueira enfatizou a importância das atividades culturais para o povo de Gurupá, ao lado do secretário de cultura, Claudinei Alves, que reforçou a importância do evento para se chegar à independência da gestão da cultura no município, e apresentou o andamento do processo para se chegar à implementação do Sistema Municipal de Cultura (SMC).

O SMC foi criado com a aprovação da Lei Municipal 1174, de 10 de julho de 2014, mesmo ano em que foi realizado o Fórum Municipal de Cultura. Anteriormente, em 2013, Gurupá aderiu ao Sistema Nacional de Cultura (SNC), fatos que antecederam a realização deste I Seminário.

“É importante as pessoas compreenderem que o Seminário (diálogo com a população) já é resultado da um trabalho que passou por outras etapas”, ressalta Marília Tavares, da Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó (AMAM). Ela explica que a descentralização da cultura é um processo novo no Brasil e a região do Marajó está inserida nesse processo, desde 2005. “O Marajó é a única região do Pará que realizou a Conferência Regional de Cultura, o que faz estar à frente de outras regiões do estado ao aderir ao Sistema Nacional de Cultura”, afirma.

O conceito de cultura e a importância que cada agente cultural possui nesse processo foram um dos tópicos apresentados pelo produtor cultural Alberdan Batista, representante do Ministério da Cultura na região norte brasileira. Ele mencionou a importância da produção cultural de Gurupá no contexto nacional. “Nós queremos inserir o município de Gurupá na cultura brasileira, seja na sua música, seja na sua comida, seja na sua história”.

O panorama geral da produção cultural em Gurupá (fotografias da igreja de Santo Antônio, festividade de São Benedito, esporte, danças, arquitetura, festival da Dourada, cantores regionais, entre outros) foi apresentado pela técnica em gestão cultural, Valéria Sousa, como forma de o público se informar dos acontecimentos culturais no município.

O diagnóstico do Seminário servirá de base para as diretrizes que culminarão no Fórum Municipal de Cultura, que tem realização prevista para 24 e 25 de julho deste ano para, finalmente, construir o Plano Municipal de Cultura.

Fonte: Ascom/Gurupá.

Comunicação/AMAM
 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000