Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE GURUPÁ
10/09/2015
Gurupá
REUNIÕES ITINERANTES: COMUNIDADES RURAIS RECEBEM PREFEITO NOGUEIRA E EQUIPE DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO.
 

Prefeitura presta conta dos recursos aplicados na educação municipal e ouve demandas da população>

O prefeito Raimundo Nogueira e equipe da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) promovem reuniões itinerantes nas comunidades rurais de Gurupá, durante este segundo semestre. O objetivo é prestar contas dos recursos do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), aplicados na educação do município, além de ouvir as comunidades. Ao final de cada visita, a equipe do governo traça um diagnóstico das reais necessidades da população para encaminhar soluções, inclusive nas áreas da saúde, agricultura e assistência social.

Das reuniões participam diretores de pólos escolares, professores, alunos, a comunidade em geral e secretários municipais. Vereadores também acompanham as visitas realizadas, conforme o cronograma da SEMED.

As visitas itinerantes da Prefeitura junto às comunidades são ações rotineiras, mas para prestar contas com a população é a primeira vez. “Sempre ouvimos as comunidades, mas agora queremos que elas saibam como estão sendo aplicados os recursos. Fizemos um levantamento dos investimentos feitos por unidade de ensino em merenda escolar, pagamento de pessoal, aluguel de barcos e casas, combustível, manutenção das escolas, prestação de serviços e repasses do Governo Federal, que serão apresentados a essas populações. Depois de ouvir as demandas, teremos o diagnóstico para dar os encaminhamentos necessários”, explica a secretária municipal de educação, Betiza Ferreira, que visita as comunidades com assessores técnicos e pedagógicos.

Até o próximo mês de novembro, 72 comunidades da zona ribeirinha e oito escolas da cidade estarão recebendo as visitas da equipe da Prefeitura, que iniciou o programa de reuniões itinerantes na segunda quinzena de agosto, pelas comunidades Jocojó, Flexinha, Carrazedo, Ipixuna (Terra Preta e Canta Galo), partindo depois para as comunidades do Uruaí, São Pedro, São Francisco, Quadrangular, Uriboca, Cojuba e Sarapoí. As comunidades de Santana, Gomes Neto, Santa Lúcia, Arinoá, Ribeira e Gurupá Miri foram as últimas a receberem as visitas, totalizando 19 comunidades nesta primeira etapa.

“É uma oportunidade que temos de conversar pessoalmente com as comunidades, que fazem suas reivindicações e expõem seus problemas, e nós sabemos que eles existem, e é por isto que vamos até eles”, reconhece a secretária, que menciona algumas providências. “Embora as comunidades reconheçam os avanços na área da educação, ainda temos muito trabalho a fazer. Depois dessa primeira fase, já estamos agendando reuniões com os conselhos das escolas e técnicos pedagógicos para traçarmos estratégias adequadas”.

Além de fazer a prestação das contas da educação, a equipe do governo conversa com as comunidades sobre saúde, assistência social e agricultura, que, segundo o prefeito Nogueira, são as áreas com maiores demandas, “por isso que chamamos os secretários da saúde, da agricultura e da assistência social, para que as pessoas saibam onde os recursos estão sendo investidos”, afirma o prefeito.

Uma das demandas mais questionadas pela população é o pagamento de alguns setores do funcionalismo, que ultimamente tem sido realizado com atraso, mas que o governo está trabalhando para que seja regularizado. “No início da gestão, o governo sempre cumpriu rigorosamente com o pagamento do funcionalismo. Esse ano não está sendo fácil mas estamos apertando os cintos para poder pagar o pessoal em dia, porque é fundamental que os trabalhadores recebam em dia”, esclarece o prefeito Nogueira.

A equipe da prefeitura passou treze dias na zona ribeirinha reunindo as comunidades em escolas do município. As visitas itinerantes continuam no mês de setembro, conforme o cronograma abaixo:

DIA COMUNIDADE
14 Manoel Lourenço e Arapapá
15 Belo Horizonte e Urucuri
16 São João e Maria Neuza
17 Manoel Januário e Bom Futuro
18 São Cristóvão e Barbosa
20 Ilha das Cinzas
21 Santana do Flexal e Aruans
22 Taiassuí e Taiassuizinho

Texto: Rui Pena
Fotos: Equipe SEMED
Fonte:PMG
Comunicação/AMAM
 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000