Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
NOTÍCIAS DE SOURE
17/09/2014
Soure
PROJETO “SEMEANDO GIRASSÓIS” REALIZA REUNIÕES COM SERVIDORES MUNICIPAIS DE SOURE.
 

O projeto “Semeando Girassóis” realizou nesta terça-feira, 16, reuniões com técnicos municipais que atuam na rede de enfrentamento à violência sexual cometida contra crianças e adolescentes no município de Soure, localizado no Arquipélago do Marajó. Os servidores estaduais que participam do projeto visitaram o Conselho tutelar, Hospital Municipal e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) do município, com o objetivo de conhecer o atendimento prestado às vítimas de violência, além de orientar sobre o procedimento correto que deve ser tomado ao identificar alguém que tenha sido vítima de violência sexual. Nesta quarta-feira, 17, o projeto vai até o município de Cachoeira do Arari.

Durante a programação foram entregues para os técnicos municipais exemplares do protocolo de atenção integral às crianças e adolescentes, que vai auxiliar no atendimento às vítimas de violência sexual. Segundo a coordenadora do Pro Paz Integrado, Eugênia Fonseca, a visita serviu para conhecer melhor a rede de enfrentamento à violência na cidade de Soure e como é realizado o trabalho em parceria com os órgãos estaduais e municipais. “Discutimos o fluxo e funcionamento das atividades que eles realizam aqui e que coíbem esse tipo de violência tão brutal contra nossas crianças e adolescentes. Observamos que a rede de atendimento em Soure está funcionando, existe um compromisso muito grande por parte dos servidores que entendem o seu papel de garantidor de direitos e de proteção”, declarou.

Na chegada ao Conselho Tutelar do município, a equipe do projeto foi recebida pelo conselheiro Valdecir Assis, que apresentou para o grupo formado por servidores do Pro Paz Integrado, Secretaria Estadual de Assistência Social (Seas) e Polícia Civil, o trabalho realizado de maneira integrada no município. “O nosso trabalho tem que ter muita responsabilidade e cautela na hora de atender os adolescentes, são situações de risco em que devemos ter atenção e, com o apoio da Polícia Civil, da Prefeitura, Creas regional e municipal, temos obtido bons resultados no atendimentos às crianças e adolescentes. Sempre contamos com o apoio do Pro Paz Integrado, que acolhe as vítimas de violência e isso garante um bom atendimento aos nossos jovens”, afirmou.

Para a diretora do Hospital Municipal Menino Deus, Cleide Nazaré Costa, a realização do projeto “Semeando Girassóis” em Soure vai ajudar os servidores da cidade a realizar um atendimento adequado às vítimas de violência sexual. “A cartilha que recebemos vai nos ajudar muito porque, através dela, vamos saber como viabilizar um atendimento e cuidados necessários a uma vítima desse crime. Vamos passar para todas as unidades de saúde possibilitando que todos os enfermeiros saibam como trabalhar em favor da população e contra a violência”, disse.

De acordo com o delegado da Polícia Civil e Superintendente Regional do Marajó Oriental, Luciano Cunha Guimarães, a iniciativa do Governo do Estado, além de apresentar para a população os serviços disponíveis para que denuncie a violência sexual, reforça os laços dos órgãos públicos ligados à segurança pública. “Essa iniciativa é interessante porque atua em uma região ampla e oferece para a população mais informações sobre quais caminhos tomar para que informe às autoridades sobre a prática desse crime, tanto da exploração quanto do abuso sexual. Estamos buscando a integração total aqui no Marajó porque é o dever do estado oferecer um atendimento de qualidade aos jovens e seus familiares, tanto nas rondas policiais no final de semana para recolher crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, quanto no atendimento às jovens vítimas de uma violência mais grave” explicou.

Fonte: AGPA.

Comunicação/AMAM
  
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000