Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
 TURISMO
13/04/2016
Variados
TURISTAS DE EXPEDIÇÃO FOTOGRÁFICA CONHECEM BELEZAS DO MARAJÓ.
 

 

Profissionais, amadores e amantes da fotografia participam, entre os dias 11 e 17 de abril, da terceira edição da Expedição Fotográfica ao Marajó. O evento, que conta com o apoio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur), tem como objetivo aproximar os participantes da rica natureza amazônica. Uma oportunidade perfeita para quem deseja sair dos grandes centros urbanos e conhecer a Amazônia em uma experiência incrível.

O roteiro da expedição inclui contato com a história, cultura local, paisagem e com a população ribeirinha. Nesta edição, os expedicionários convivem durante três dias na comunidade quilombola Céu, nas entranhas da ilha marajoara, local raramente visitado pelo turista habitual, onde participam de atividades, vivenciam experiências culturais e conhecem o dia a dia da comunidade.

A programação também conta com encontros diários em oficinas, roda de conversa com troca de informações, estudos dirigidos e aprofundamento de conhecimentos e técnicas fotográficas na produção e pós-produção da imagem com suporte de monitores.

O evento tem a presença de alguns tarimbados fotógrafos brasileiros. É o caso, por exemplo, de Juvenal Pereira, especializado em fotojornalismo e que já atuou para os mais importantes jornais e revistas do Brasil, como O Cruzeiro, Veja, Isto É, O Estado de São Paulo e Folha de São Paulo.  Ele falará sobre seu trabalho no continente africano.

Também participa Marcos Vicentti, que além de fotojornalista com mais de 20 anos de experiência também atua com o ensino da técnica. Ele fará um relato sobre o mercado de fotografia na Amazônia e sua luta para registrar a vida do povo do Acre. Além de Cadu Gomes, que compartilhará suas experiências ao longo de 26 anos de profissão.

A III Expedição Fotográfica ao Marajó é coordenada pelo fotógrafo acreano Raimundo Paccó, um profissional com rico conhecimento da profissão e muita experiência acumulada. “Quando imaginei esse projeto tinha muitas dúvidas. Porém, agora sei como foi importante para as pessoas que participaram das duas primeiras edições da expedição esse contato com o povo da ilha e a convivência com outros fotógrafos”, conclui Raimundo.

O Marajó é um dos seis polos turísticos do estado trabalhado pela Setur, por meio do Plano Estratégico de Turismo Ver-o-Pará, fazendo parte, inclusive, do roteiro principal denominado “Pará: 8 Dias e 7 Noites”. Com grande diversidade de atrativos, o arquipélago oferece inúmeras opções de práticas turísticas em diversos segmentos, como turismo de natureza, turismo de sol e praia, turismo cultural, turismo rural, turismo de aventura, ecoturismo, dentre outras alternativas de lazer e também formatação de negócios no setor.

(Com a colaboração de Liliane Marques)

Fonte: AGPA.

Comunicação/AMAM
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000